Notícias Externas

Como melhorar alertas de inundação?

Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Saneamento da UFMG quer reduzir danos causados por inundações bruscas em BH

Avenida Vilarinho, em BH, é um dos principais pontos de alagamento da cidade no período de chuvas
Avenida Vilarinho, em BH, é um dos principais pontos de alagamento da cidade no período de chuvas Corpo de Bombeiros de Minas Gerais

Pesquisa desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Saneamento da UFMG. permite alertas mais rápidos e precisos em casos de inundação em Belo Horizonte. O trabalho do professor da Universidade Federal de Itajubá Fernando Neves Lima encontrou uma forma de estimar a vazão que pode minimizar os impactos causados por inundações bruscas. Segundo o pesquisador, o método é aplicável também em outros centros urbanos. Saiba mais no episódio 12 do Aqui tem ciência.

Ouça o episódio 14 do "Aqui tem ciência"

RAIO-X DA PESQUISA

Título original: Dinâmica de Precipitações Extremas Em Eventos de Inundações Urbanas: Aspectos Espaciais e Hidrológicos

O que é: A pesquisa desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Saneamento da UFMG permite que alertas mais rápidos e precisos sejam emitidos em casos de inundação nas áreas de Belo Horizonte sob a Bacia do Ribeirão Arrudas

Nome do pesquisador: Fernando Neves Lima 

Data da defesa: Maio de 2019

Programa de Pós-graduação: Programa de Pós-Graduação em Saneamento da UFMG

Orientadora: Prof. Wilson Gomes

Financiamento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)