Notícias Externas

Enfermagem promove evento sobre desafios para a equidade em saúde da pessoa negra

Atividade ‘Visibilidade Negra: Desafios e Perspectivas para a Equidade em Saúde’ ocorre de terça a quinta, na Escola de Enfermagem

Mulheres negras são grande parte do contingente profissional da área de enfermagem
Mulheres negras são grande parte do contingente profissional da área de enfermagem Portal Governo do Brasil

Nesta terça-feira, 20, é celebrado o Dia da Consciência Negra. Em comemoração à data, muito pertinente em uma sociedade que ainda está longe de ter resolvido os problemas advindos de seu passado escravocrata, a Escola de Enfermagem da UFMG promove, ao longo desta semana, o evento Visibilidade Negra: Desafios e Perspectivas para a Equidade em Saúde.

A programação, que ocorre nos dias 20, 21 e 22, inclui de discussões em auditório a apresentações culturais, feiras de artesanato e rodas de conversa. 

As intenções primordiais são refletir sobre as identidades negras e discutir a inserção da negritude na sociedade brasileira, com destaque para os âmbitos da saúde, do trabalho e da educação.

A professora Sheila Lachtim, da Escola de Enfermagem, uma das organizadoras do evento, falou sobre o evento em entrevista ao programa Conexões, da Rádio UFMG Educativa, nesta segunda-feira, 19.

Ouça a conversa com Luíza Glória

As inscrições ainda estão abertas. A Escola de Enfermagem da UFMG fica no campus Saúde (Avenida Alfredo Balena, 190, Santa Efigênia). Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (31) 3409-9883 ou consultadas no site da Escola de Enfermagem.

Produção de Giulliana Santos, João Rezende e Gabriela Sorice, sob orientação de Hugo Rafael e Luíza