Notícias Externas

Financiamento da educação é desafio para o país

Na segunda reportagem da série sobre os 4 anos do PNE, especialistas avaliam realidade com a vigência da Emenda Constitucional 95

Série avalia os quatro anos do PNE
Série avalia os quatro anos do PNE Marcelo Camargo/Agência Brasil

O financiamento da educação é apontado como o grande problema para garantir o cumprimento das metas do Plano Nacional de Educação. Os recursos que já não eram suficientes para assegurar acesso a uma educação de qualidade, ficaram ainda mais comprometidos com a Emenda Constitucional 95. 

No documento, a meta 20 define os patamares de investimento público em educação. Ela prevê que os recursos deverão corresponder a 7% do PIB, Produto Interno Bruto, a partir do ano que vem. E 10% em até seis anos. Mas os especialistas são unânimes em apontar o congelamento de investimentos como uma das piores medidas para o ensino público no país. 

O desafio do financiamento da educação no país é o tema da segunda reportagem da série "Plano Nacional de Educação: por que não avançamos?". A primeira reportagem, sobre o balanço das metas alcançadas, pode ser acessada clicando aqui

Ouça reportagem de Larissa Arantes