Centro Cultural UFMG realiza mostra de cinema alemão em mês marcado pela reunificação da Alemanha

O Centro Cultural UFMG realiza a segunda edição do CineCentro Convida, projeto voltado para a promoção de mostras idealizadas por curadores convidados. A curadoria de outubro foi idealizada pela professora leitora Sarah Jacobs, do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) na UFMG, que escolheu oito filmes representativos da produção cinematográfica de seu país, disponíveis em plataformas de streaming no Brasil. 

O objetivo da mostra é apresentar um breve panorama do cinema alemão atual, reunindo filmes de variados temas e gêneros, como política, história alemã, comédia, documentário e trajetórias pessoais. A mostra abre em outubro, mês marcado pela reunificação da Alemanha, com um vídeo da curadora apresentando aspectos da seleção e uma programação complementar. 

Além dos filmes, serão disponibilizadas duas lives: a primeira será realizada no dia 19, com o professor Elcio Cornelsen, sobre as Tendências do cinema alemão desde 1990; a segunda será realizada no dia 21, com os convidados Donny Correia e Claudia Dornbusch, sobre o Cinema alemão em debate. As lives serão transmitidas ao vivo, às 18h, pelo canal do Centro Cultural UFMG no YouTube. O vídeo da curadora também será disponibilizado no referido canal.

Sarah Jacobs é professora leitora do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) na Faculdade de Letras da UFMG. Mestre em Educação na Alemanha (alemão/espanhol) dá aulas de língua e cultura alemã e atua nas áreas de didática, pedagogia e sociologia. É responsável pela divulgação de informações, palestras e oficinas relacionadas ao DAAD.

Veja a seguir os filmes da mostra de cinema alemão:

Vídeo de apresentação da mostra de cinema alemão

A curadora Sarah Jacobs apresenta aspectos da seleção dos filmes da mostra e uma programação complementar.

Link para o vídeo aqui.

Isi & Ossi – 2020 | 14 | 113’ | Comédia, romance | Direção: Oliver Kienle | Disponível: Netflix.

Para convencer os pais a deixá-la realizar seu sonho de estudar culinária em Nova York, a filha de um bilionário finge estar namorando um boxeador pobre.

Nós somos jovens. Nós somos fortes – (Wir sind jung. Wir sind stark) 2014 | 14 | 123’ | História alemã, radicalismo de extrema-direita, crime, drama, história | Direção: Burhan Qurbani | Disponível: Netflix.

Em 1992, três moradores totalmente diferentes de Rostock, na Alemanha, se envolvem em uma manifestação xenofóbica que estremece a cidade. O filme relata um dos piores ataques xenófobos na história alemã do pós-guerra.

O jovem Karl Marx – (Der junge Karl Marx) 2017 | 14 | 118’ | Biografia, história, política, drama | Direção: Raoul Peck | Disponível: Amazon Prime Video.

A juventude de Karl Marx no período em que ele luta para expor suas ideologias, o início de seu casamento com Jenny von Westphalen e a sua amizade com Friedrich Engels.

Nunca deixe de lembrar – (Werk ohne Autor) 2018 | 14 | 183’ | História alemã, arte, biografia, drama, romance | Direção: Florian Henckel von Donnersmarck | Disponível Amazon Prime Video.

Dois estudantes de arte se apaixonam, mas o pai da garota, que guarda um segredo devastador, está decidido a acabar com o relacionamento. O que nenhum deles sabe é que suas vidas já estão conectadas através de um crime terrível que esse pai cometeu décadas atrás.

Altos negócios – (Betonrausch) 2020 | 16 | 94’ | Comédia, drama | Direção: Cüneyt Kaya | Disponível: Netflix.

Disposto a fazer qualquer coisa para ficar rico, um jovem e seu amigo viram o mercado imobiliário de cabeça para baixo, mas nem tudo sai como o esperado.

Quando a vida acontece – (Was wir wollten) 2020 | 16 | 93’ | Drama | Direção: Ulrike Kofler | Disponível: Netflix.

Um casal com dificuldade para engravidar vai passar férias em um resort na Sardenha, mas a família do quarto ao lado pode colocar esse casamento à prova.

Destino felicidade – (Expedition Happiness) 2017 | 16 | 95’ | Documentário | Direção: Selima Taibi | Disponível: Netflix.

Um cineasta e a namorada fazem uma viagem inesquecível com seu cachorro pela América do Norte em um ônibus escolar adaptado.

- E amanhã... o mundo todo – (Und morgen die ganze Welt) 2020 | 16 | 110’ | Crime, drama, romance | Direção: Julia von Heinz | Disponível: Netflix.

Uma estudante de direito se une a um grupo antifascista e se vê envolvida em situações cada vez mais perigosas e violentas.

Programação complementar

19 de outubro

Live: Tendências do cinema alemão desde 1990, com Elcio Cornelsen, às 18h

A queda do Muro de Berlim – em 09 de novembro de 1989 – e o período da chamada Wende (mudança; virada), que culminou com a reunificação da Alemanha – consumada em 03 de outubro de 1990 – tiveram impacto no âmbito cinematográfico, não só em relação ao modo de liderar com temas do passado, como também em relação aos novos desafios do presente, em uma nova ordem geopolítica e social.

Link para a transmissão aqui

Elcio Cornelsen é professor titular da Faculdade de Letras da UFMG. Atua na Graduação em Letras – Alemão, e também na Pós-Graduação em Teoria da Literatura e Literatura Comparada (PÓSLIT/FALE/UFMG) e em Estudos do Lazer (PPGIEL/EEFFTO/UFMG). É bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq.

21 de outubro

Live: Cinema alemão em debate, com Donny Correia e Claudia Dornbusch, às 18h

A partir dos filmes da mostra, os convidados destacam aspectos estéticos, cinematográficos, sociais, políticos, históricos e culturais, que se evidenciam nas diversas narrativas presentes, buscando situá-los na contemporaneidade, em sua especificidade alemã.

Link para a transmissão aqui.

Donny Correia é mestre e doutor em Estética e História da Arte pela USP. É crítico e pesquisador de cinema e arte, membro da Abraccine e ABCA. Tem como especialidades o Expressionismo e o Dadaísmo nas artes visuais da Alemanha e o cinema de Weimar.

Claudia Dornbusch é mestre, doutora e livre-docente em literatura alemã pela USP, onde lecionou por 30 anos. Em sua tese de livre-docência analisou as representações da ausência do cinema alemão após a queda do Muro de Berlim, bem como na literatura do mesmo período. Suas pesquisas se concentram na interação entre literatura e cinema, fotografia, dança, pintura, música e outras artes. É apresentadora do programa CinedELA pela Escola Livre de Artes.

Serviço:

CineCentro Convida Sarah Jacobs | Mostra de Cinema Alemão

Terças e quintas-feiras nas Redes Sociais e Site do Centro Cultural UFMG

Siga o Centro Cultural UFMG e fique por dentro da programação: Facebook | Instagram | YouTube | Twitter | Spotify | Site

Assessoria de Imprensa UFMG

Fonte

Assessoria do Centro Cultural UFMG

(31) 3409-8290 / 3409-8291

http://www.ufmg.br/centrocultural

Serviço