Laboratório da Psicologia da UFMG busca voluntários para pesquisa sobre dislexia no ensino superior

Grupo pretende avaliar capacidade de leitura dos graduandos e propor intervenções

Graduandos da UFMG com dificuldades de leitura que comprometem seu desempenho acadêmico, social ou profissional podem participar do projeto Avaliação e intervenção da dislexia do desenvolvimento em estudantes do ensino superior, que investiga o impacto desse transtorno de desenvolvimento na vida adulta.

Coordenado pela professora Júlia Beatriz Lopes, do Departamento de Psicologia da UFMG, o projeto é fruto da parceria entre o Laboratório de Neuropsicologia do Desenvolvimento (LND) e o Núcleo de Acessibilidade e Inclusão (NAI). Interessados devem enviar mensagem para o e-mail projetosubdis@gmail.com.

Qualidade de leitura

Entre os objetivos do projeto estão a avaliação da qualidade de leitura dos estudantes, a proposição de intervenções para contornar as dificuldades enfrentadas e a orientação de professores e da comunidade externa sobre a dislexia. Os voluntários participarão de reunião on-line para coleta de dados e de grupos de discussão. Eles também serão acompanhados pela equipe do projeto.

Os dados coletados serão compartilhados com o NAI e contribuirão para o desenvolvimento de pesquisas sobre como a dislexia se manifesta na vida adulta e no ensino superior.

Assessoria de Imprensa UFMG

Fonte

Assessoria de Imprensa UFMG

Serviço