Mário Zavagli apresenta exposição 'Alphabeto' no Centro Cultural UFMG

O Centro Cultural UFMG promove a quarta edição do projeto Diálogos: Artista e Curador(a), que contempla o pintor, desenhista e gravador Mário Zavagli com a exposição virtual Alphabeto. A mostra tem a curadoria de Douglas de Freitas, curador associado do Instituto Inhotim.

Mário Zavagli idealizou, no início dos anos noventa, uma série que aproximasse imagens, palavras e acaso. Na época ela não foi concretizada e, quatro décadas depois, o artista retoma o projeto ao qual deu o nome de Alphabeto. O termo vem do grego alpha + beta e representam as duas primeiras letras do alfabeto grego, origem do alfabeto latino, que é adotado pela língua portuguesa.

Segundo Zavagli, a retomada veio de forma menos ambiciosa, mais objetiva e menos aleatória. Os trabalhos têm praticamente as mesmas dimensões e foram realizados utilizando apenas as técnicas da aquarela e do desenho. Ao todo são 27 obras, uma para cada letra do alfabeto, de A a Z, e outra em dimensões maiores relacionada ao título da mostra.

Mário produziu a série entre março de 2017 e dezembro de 2019 e para escolher cada palavra fez um levantamento de dezenas delas. “Para cada uma das 26 letras que, de alguma forma me atraíam com ótimas possibilidades temáticas e expressivas, construí a presente série”, diz.

A série virou uma exposição virtual e o diálogo entre o artista e o curador se dá através deste link.

Acesse as obras da exposição aqui.

Artista

Mário Zavagli é natural de Guaxupé, Minas Gerais. Pintor, desenhista e gravador, foi professor adjunto de desenho e pintura da Escola de Belas Artes da UFMG entre 1976 e 2015. Ao longo de sua carreira realizou 38 exposições individuais, participando de mostras coletivas e salões de arte em vários estados brasileiros e também na Alemanha, Áustria, França, Bélgica, Espanha, Portugal, Grécia, Argentina, entre outros países. Vive e trabalha em Belo Horizonte.

Projeto

O projeto Diálogos: Artista e Curador(a) pretende disponibilizar exposições virtuais em formato de vídeos documentários mensalmente nas redes sociais do Centro Cultural UFMG. A partir de recortes curatoriais cronológicos, os vídeos trazem uma linha evolutiva no tempo e no percurso da criação do artista, oferecendo ao espectador a oportunidade de percorrer virtualmente pelas obras, através de simulação 3D, sendo mediado pelos comentários do artista e do curador.

O projeto vai apresentar nomes expressivos do cenário artístico e oferecer ao público conteúdos com excelência, associados a uma reflexão aprofundada no contexto da arte contemporânea nacional e internacional, permitindo que avancem em seus conhecimentos e nas maneiras de fazer e pensar a arte.

Siga o Centro Cultural UFMG e fique por dentro da programação: Facebook | Instagram | YouTube | Twitter | Spotify | Site

Assessoria de Imprensa UFMG

Fonte

Assessoria do Centro Cultural UFMG

(31) 3409-8290 / 3409-8291

http://www.ufmg.br/centrocultural

Serviço