Notícias Externas

Contra a obesidade

Pesquisa investiga o uso de componente da pimenta na redução da quantidade de gordura no corpo

Núbia Melo realizou experimentos com camundongos em um laboratório da UFMG
Núbia Melo realizou experimentos com camundongos em um laboratório da UFMG Arquivo pessoal

Em experimentos com camundongos, a capsaicina, um componente da pimenta, contribuiu para reduzir o ganho de peso corporal. Essa foi a conclusão da pesquisa de mestrado de Núbia Melo, que foi desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Bioquímica e Imunologia da UFMG. Núbia ressalta: ainda é necessário investigar os possíveis efeitos dessas substância em seres humanos, mas os resultados obtidos em sua dissertação podem ser considerados animadores. Os detalhes desse estudo você confere no episódio 10 do Aqui Tem Ciência.

Ouça o episódio 10 do "Aqui tem ciência"

RAIO-X DA PESQUISA

Título original: "Suplementação oral de capsaicina reduz adiposidade e melhora o perfil lipídico e a resistência à insulina em modelo experimental de obesidade"

O que é: a pesquisa avaliou os efeitos, em camundongos com obesidade induzida por dieta rica em lipídio, da suplementação de capsaicina, um componente de várias espécies de pimenta. Entre outros resultados, a pesquisa constatou que os animais que receberam essa suplementação apresentaram menor ganho de peso, em comparação com outros submetidos ao mesmo regime alimentar.

Nome da pesquisadora: Núbia Alexandre de Melo Nunes

Orientadora: Profa. Dra. Jacqueline Isaura Alvarez Leite

Programa de Pós-Graduação em Bioquímica e Imunologia da UFMG

Ano da defesa: 2019

Financiamento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig)

O episódio 10 do Aqui Tem Ciência teve apresentação e produção de Luana Lima edição de Tiago de Holanda e trabalhos técnicos de Breno Rodrigues. O programa é uma pílula radiofônica sobre estudos da UFMG, abrangendo todas as áreas do conhecimento. A cada semana, a equipe da Rádio UFMG Educativa apresenta resultados de trabalho de um pesquisador da Universidade. O Aqui Tem Ciência fica disponível em aplicativos de podcast e vai ao ar na frequência 104,5 FM, às segundas, às 11h, com reprises às quartas, às 14h30, e às sextas, às 20h.