BIOLOGIA VEGETAL

Voltar para o início

Nome do programa: Programa de Pós-graduação em Biologia Vegetal

Unidade acadêmica: Instituto de Ciências Biológicas

Área de conhecimento: Ciências Biológicas

Site do programa: http://www.icb.ufmg.br/pgbot/

Plataforma Sucupira: https://sucupira.capes.gov.br/...

O curso de doutorado em Biologia Vegetal da UFMG integra o Programa de Pós-graduação em Biologia Vegetal, criado no ano 2000 e reconhecido pela Capes em outubro de 2001. Foi o segundo programa de pós-graduação da área de Botânica implantado em Minas Gerais e surgiu em face às demandas de formação de profissionais especializados nessa área do conhecimento.

Tendo como foco o desenvolvimento científico, tecnológico e a gestão de recursos vegetais, o curso contribui para o aumento do número de profissionais qualificados atuantes no meio acadêmico e no mercado de trabalho brasileiro. Forma, assim, docentes para exercer o magistério no ensino superior e na pós-graduação, pesquisadores capacitados a aplicar a metodologia científica para resolução de problemas e teste de hipóteses na área da botânica, bem como profissionais para atender demandas da iniciativa privada nessa área.

Levantamento sistemático do destino dos egressos do curso mostra sua presença em diversos setores do mercado de trabalho, destacadamente em atividades de ensino, pesquisa e extensão. Há egressos do Programa em instituições de ensino e de pesquisa em locais mais carentes de profissionais especializados e com maior capacitação, como as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste do Brasil, contribuindo para a nucleação de novos polos de botânica no país. A atuação de egressos do curso na iniciativa privada, em empresas de consultoria e soluções ambientais, tem contribuído substantivamente para a melhoria da qualidade dos estudos ambientais, obrigatórios nas atividades de licenciamento.

Código do curso: 2187

Período da versão: 2018/1

Aprovação: 04/07/2017

Nível: DOUTORADO

Titulação conferida: DOUTOR EM BIOLOGIA VEGETAL

Vagas: Ano Total 1º semestre 2º semestre
2019 12 12 0
2020 12 12 0

Créditos para integralização: 35

Semestres para integralização:

Mínimo: 4

Máximo: 8