A informalidade no aprendizado de idiomas é tema de pesquisa na UFMG

Em pesquisa atualmente desenvolvida na UFMG, o professor da Faculdade de Letras da UFMG, Ronaldo Gomes Jr., membro do núcleo de pesquisa Linguagem e Tecnologia (LingTec) e integrante do Laboratório de Linguagem e Tecnologia (LALINTEC), expõe a importância dos espaços informais para a aprendizagem de línguas estrangeiras, através de relatos pessoais de diversos aprendizes.  A aprendizagem é possível por meio do contato com filmes, séries, músicas, livros e videogames. Intitulada Fora da Escola: histórias de aprendizagem de inglês em ambientes informais, a pesquisa analisa o tema por meio de relatos pessoais de diversas pessoas.

Segundo Ronaldo Gomes, esses espaços informais surgem como formas de conhecimento, uma vez que promovem a participação e o engajamento dos indivíduos a um determinado produto cultural. Não só para consumir filmes, séries ou músicas, os indivíduos acabam desenvolvendo seu conhecimento em uma língua estrangeira por meio de discussões virtuais. Logo, segundo o pesquisador, embora não institucionalizados, esses locais devem ser legitimados. Ronaldo ainda destaca que os produtos são importantes, mas não atuam isoladamente: “Pesquisar sobre como os indivíduos aprendem idiomas na internet e na cultura pop, por exemplo, é também dialogar com novas metodologias para a sala de aula”, afirma.

Confira mais na reportagem da TV UFMG sobre o tema. 

Portal UFMG

Fonte

Assessoria de Imprensa UFMG

Serviço