Notícias Externas

Guerrilha moral vai limitar direitos humanos, afirma colunista

Prof. Marlise Matos comenta falas da futura ministra Damares Alves

Futura ministra, Damares Alves
Futura ministra, Damares Alves Valter Campanato | Agência Brasil

"Cruzada evangélica e guerrilha moral contra direitos sexuais e reprodutivos  vão limitar direitos humanos,  políticas para mulheres e pautas  LGBT".  A afirmativa é da coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre a Mulher (Nepem/UFMG), Marlise Matos. Na coluna Gênero e Feminismo, a cientista política comenta os primeiros pronunciamentos da pastora Damares Alves, nomeada para o cargo de ministra  Mulher, da Família e dos Direitos Humanos do governo Bolsonaro. 

Ouça entrevista concedida a jornalista Soraya Fideles