Notícias Externas

HQ brasileira que conta histórias sobre a resistência dos escravos ganha o Oscar dos Quadrinhos

A graphic novel Cumbe do quadrinista Marcelo D'Salete venceu uma das categorias do Eisner Awards

O quadrinista e professor Marcelo D'Salete ressalta que a história dos quilombos e da resistência negra no período colonial brasileiro ainda é pouco abordada pelo mundo das HQ's.
O quadrinista e professor Marcelo D'Salete ressalta que a história dos quilombos e da resistência negra no período colonial brasileiro ainda é pouco abordada pelo mundo das HQ's. Marcelo D’Salete

O Eisner Awards é um prêmio estadunidense considerado o “Oscar dos quadrinhos”. Na edição 2018 da premiação, o paulistano Marcelo D’Salete venceu uma das categorias do prêmio: sua penúltima obra, Cumbe, ganhou em melhor edição americana de material estrangeiro. Com versão norte-americana de nome Run for it: Stories of slaves who fought for their freedom, a graphic novel conta histórias protagonizadas por negros escravizados.

O quadrinista e professor Marcelo D'Salete ressalta que a história dos quilombos e da resistência negra no período colonial brasileiro ainda é pouco abordada pelo mundo das HQ's.Em entrevista ao Universo Literário, o autor revelou uma informação curiosa e pouco difundida:  "A primeira história em quadrinhos sobre o quilombo de Palmares foi feita na década de 1950, por Clóvis Moura e Álvaro Moya, um trabalho que merece ser conhecido". 

O quadrinista vencedor do prêmio falou também sobre o seu processo de pesquisa para produção da graphic novel, seu trabalho mais recente, Angola Janga, e os quadrinistas brasileiros que o inspiram.

Ouça a conversa com Gabriela Sorice

Com produção de Larissa Fernandes, sob orientação de Alessandra Dantas