Notícias Externas

Livro usa amizade entre morcego e pássaro para promover discussão de preconceitos

Autora de ‘Gô e Gará’, Maria Amelia é brasileira, mas vive há 20 anos na Alemanha

Amizade entre pássaro e morcego: quebra de preconceitos
Amizade entre pássaro e morcego: quebra de preconceitos Reprodução

O livro Gô e Gará, da escritora e professora Maria Amelia, apresenta problemáticas mundiais por meio de uma linguagem acessível e adequada ao público infantil. A história defende a importância do esclarecimento e da resolução de desavenças em prol de uma convivência social saudável entre as pessoas, abordando temas como a discriminação, o preconceito, a diversidade e a violência.

A narrativa propõe um olhar sobre a aceitação, a tolerância e o diálogo, apresentados como grandes virtudes, por meio da história da amizade entre um morcego e um pássaro.

Gô é um filhote de morcego insatisfeito com sua vida monótona, em busca de amigos que sejam diferentes. Nessa busca, porém, o morcego passa por situações difíceis, que o levam a conhecer a diversidade da comunidade dos animais e suas mais estranhas manias.

A autora, Maria Amelia, vive na Alemanha há mais de 20 anos, onde trabalha com educação infantil e, em Gô e Gará, levanta a bandeira da representatividade, ao tratar de assuntos relevantes com o objetivo de lutar contra preconceitos. Isso por meio de uma narrativa bastante lúdica e divertida.

A produção da Rádio UFMG Educativa conversou com Maria Amélia sobre o livro e sobre as temáticas que ele aborda. A entrevista foi ao ar no programa Universo Literário desta quinta-feira, 22.

Ouça a conversa com Gabriela Sorice e Hugo Rafael

Lançado neste ano, o livro Gô e Gará pode ser encontrado no site e na loja on-line da Editora Coerência.

Produção de Gabriela Sorice e Maitê Louzada, sob orientação de Hugo Rafael e Luíza Glória