Notícias Externas

Violência sexual contra crianças e adolescentes é tema de encontro internacional

Evento é organizado pelo Projeto Cavas, que atende vítimas de abusos

Pesquisadores brasileiros e estrangeiros estão reunidos no campus Pampulha da UFMG para falar sobre traumatismos da vida cotidiana. O V Encontro Latino-Americano e VII Simpósio de pesquisas do Projeto CAVAS/UFMG: "Traumatismos da Vida Cotidiana" começaram nessa quarta-feira (11/04) e seguem até a sexta (12/04). 

O objetivo dos eventos é discutir novos modos de enfrentar as diversas faces da violência e de seus efeitos individuais e coletivos. A programação tem um minicurso, conferências e mesas temáticas. O mestre em psicologia e membro do CAVAS Bernardo Dolabella afirma explica que o termo trauma se refere ao prejuízo psicológico causado por uma violência. 

Durante amanhã de hoje, pesquisadores discutiram a necessidade do aprimoramento do atendimento a pessoas que sofrem abuso sexual e a importância de os currículos escolares abrangerem a educação sexual, inclusive como medida de prevenção contra DST.

Ouça a reportagem de Tiago de Holanda

O projeto CAVAS existe desde 2005 e atua em duas frentes. Uma delas envolve o atendimento psicológico a crianças e adolescentes vítimas de abuso sexual e, também, o treinamento de estudantes de psicologia para as particularidades dessa área. A segunda frente do projeto é o compartilhamento dessas experiências com outros profissionais das redes sociais de enfrentamento à violência sexual infantojuvenil.