Notícias Externas

Só 20% das escolas abrem suas portas para a prática de atividades físicas e esportivas

Estudo mostra que jovens têm interesse em realizar as práticas esportivas, porém muitas vezes não encontram condições para isso

X
Na maioria das escolas públicas, há somente um ou nenhum professor de educação física
Pnud/ONU

Relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) atesta que somente 0,58% das escolas brasileiras consideram as necessidades diárias de atividade física preconizadas para crianças e jovens. Poucas dispõem de espaços e profissionais qualificados, além de programas para os alunos aos finais de semana. Entre as escolas públicas, quase a metade tem apenas uma quadra e um único professor de educação física. Já em 42% não há sequer um professor da disciplina.

O estudo revela também que os jovens têm interesse em realizar as práticas esportivas, porém muitas vezes não tem condições. Um dos motivos também apontados é a falta de opções nas escolas. Muitas vezes são realizados apenas determinados esportes e outros são ignorados. O relatório da ONU recomenda ainda que governos, setor privado e sociedade civil adotem políticas públicas para o estímulo e a realização de atividades físicas e esportivas.

Ouça a reportagem de Leonardo Crizóstomo