Notícias Externas

Taxas elevadas de homicídios no Brasil revelam falta de ações integradas, avaliam pesquisadores

Atlas da Violência 2018 foi divulgado pelo Ipea

Tema da Campanha da Fraternidade 2018:
Dados foram divulgados nesta semana pelo Ipea
EBC

Em 2016, o Brasil alcançou a marca histórica de 62.517 homicídios, de acordo com o Atlas da Violência 2018. Elaborado pelo Ipea e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o estudo destaca que esse número corresponde a uma taxa de 30,3 mortes para cada 100 mil habitantes. Índice 30 vezes maior do que o registrado na Europa. 

A análise feita pelo Ipea e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública sobre a evolução dos homicídios no país destaca a desigualdade das mortes violentas por raça e cor de 2006 a 2016. Segundo o documento, essa realidade se acentuou nos últimos dez anos. Os dados mostram que a taxa de homicídios de indivíduos não negros diminuiu 6,8%, já a taxa entre a população negra aumentou 23,1%. 

Ouça reportagem de Larissa Arantes