Notícias Externas

Proposta da CMBH quer criar cadastro único de nascentes para garantir preservação

No momento existem mil nascentes cadastradas em Belo Horizonte

Projeto cadastra fontes de água natural em BH
Projeto cadastra fontes de água natural em BH Amira Hissa/PBH

Identificar e cadastrar as nascentes existentes no município, para que sejam constatadas e registradas as suas condições de preservação e potenciais ameaças. Esse é o objetivo do Projeto de Lei que foi publicado no final do ano passado pelo vereador Edmar Branco do Partido Podemos e visa criar o Programa de Cadastro Único de Nascentes (CADUN). O cadastro ainda iria constar com as seguintes informações: se são públicas ou privadas, a região em que se encontram; qual é o seu nível de degradação ou preservação, além de receber em suas proximidades placa informativa sobre sua existência.

Também é foco do projeto reconhecer o trabalho de pessoas físicas e jurídicas em prol da proteção das nascentes. Isso se daria por meio da certificação honrosa pela Administração Municipal denominada de "Protetor(a) das Águas". Assim, é intenção do projeto fomentar a consciência para a proteção das águas e fornecer dados para a elaboração de políticas públicas voltadas para a preservação dos recursos hídricos. A assessora parlamentar, do vereador Edmar Branco, Cléria Rocha, participou do processo de construção da proposta e fala sobre a importância de uma medida como essa para a proteção do meio ambiente na capital mineira.

Ouça reportagem de Mateus Santos